Modernização na EFCJ

A recente transferência de gestão da Estrada de Ferro Campos do Jordão para a Secretaria dos Transportes Metropolitanos - STM propiciou a essa ferrovia a elaboração de um Programa de Modernização que objetiva modernizar e ampliar o conjunto de sistemas necessários à sua operação, manutenção e gestão, de forma a capacitar a ferrovia a fazê-la se destacar como um dos destinos turísticos de qualidade e excelência no estado de São Paulo, contribuindo também para o fortalecimento do turismo regional em sua área de influência direta – cerca de 39 municípios do Vale do Paraíba - e indireta, as regiões metropolitanas de São Paulo e Rio de Janeiro.

efcj obras2

O Programa de Modernização da EFCJ prevê em sua etapa básica de implantação (2012-2015) intervenções que visam modernizar sua infraestrutura, aí considerando via permanente, rede aérea e subestações elétricas, comunicação e bilhetagem e ampliação da frota, além de sua capacidade de gestão administrativa, capacitando a ferrovia ampliar seu atendimento, passando de 150 mil usuários transportados em 2010 para 750 mil usuários em 2015.

Busca-se também a requalificação das estações, dotando-as de acessibilidade universal, modernização e capacitação das oficinas, implantação de novos cruzamentos, de sinalização nas principais passagens de nível, entre outros investimentos.

Além disso, está prevista a requalificação urbanística dos parques de turismo, considerando os Parques Reino das Águas Claras e Capivari e a implantação do Parque do Mirante da Mantiqueira, em Santo Antônio do Pinhal, propiciando a melhoria dos aspectos ambientais, físicos e urbanísticos, e suas interfaces socioeconômicas com o meio urbano onde se localizam.

Constam ainda deste Programa, a implantação de roteiros complementares integrados à ferrovia e a outros municípios da região, a melhoria da conectividade com outros modos de transporte e a valorização das condições urbanísticas de sua área de entorno, de forma a aumentar o potencial de implementação de empreendimentos associados aos parques de turismo.

O Plano de Modernização prevê em sua primeira etapa:

  • Modernização de seis estações
  • Implantação do Museu Ferroviário
  • Reforma de 18 Pontos de Parada
  • Reurbanização do Parque Capivari (fase 1)
  • Modernização do trecho Portal de Campos do Jordão- Estação Emilio Ribas: 7 km. Via, rede aérea e inserção urbana
  • Aquisição de nove bondes
  • Modernização do trecho Portal de Campos do Jordão-Santo Antônio do Pinhal: - 9 km. Via , rede aérea e inserção urbana
  • Implementação de Centro de Controle e Comunicação

Veja mais sobre a Estrada de Ferro Campos do Jordão


face

siga metro


face

siga cptm


face

siga emtu

  • transparencia
  • spbusca
  • cidadaosp
  • BannerAcesso
  • ouvidoria
  • fundap
  • viarapida
  • acessasp
  • banner-biblioteca-virtual
  • agasalho2013
  • investesp
  • banner diario-oficial
  • bec
  • cadterc
  • epregao
  • amigoidoso
  • desenvolvesp
  • artesp